Doença de Cachorro – Convulsão e Epilepsia Canina



  

Convulsões são atividades anormais do cérebro, desencadeadas por um grupo de neurônios com descargas elétricas alteradas. São classificadas de acordo com sua apresentação e podem ser leves ou generalizadas. Causam perda ou alteração de consciência e movimentos ou alterações musculares envolvendo o corpo todo ou parte dele.





A doença chamada Epilepsia acomete homens e animais e é caracterizada pela repetição freqüente de convulsões. As convulsões são desencadeadas por qualquer distúrbio no cérebro e as causas mais comuns são anomalias de nascença, traumatismos, intoxicações ou tumores. Caso não haja causa evidente, a convulsão é chamada de idiopática.

O tratamento indicado geralmente é através de medicamentos que venham a inibir as convulsões, os anti-convulsivos, quando estas são freqüentes. Cada caso deve ser analizado pelo veterinário para mais precisas informações e tratamento específico.



4 comentários em “Doença de Cachorro – Convulsão e Epilepsia Canina

  • Olá… tenho uma cachorra de 1 ano e meio e ela tem várias crises convulsivas, ja levei em alguns veterianarios e me recomendaram medica-la com GARDENAL, a principio eram apenas 10 gotas ao dia, mas com a frequencia de ¨”crises” foi indicado que aumentasse a quantidade, hoje ela toma esse medicamento 3 vezes ao dia e chega á mais de 40 gotas. Gostaria de obter ajuda, talvez a indicação de outro medicamento ou tratamento! Obrigada

  • Tenho uma Lhasa Apso, e há um pouco mais de um ano ela vem apresentando crises convulsivas. Noto que tem piorado, pois há alguns dias, ela chegou a ter 7 crises em alguns minutos. Ela faz uso de fenobarbital (100 mg ao dia) e agora a veterinária pediu para assossiar o Brometo de Potássio. Quais são os efeitos colaterais? Os riscos? enfim…tudo que vocês puderem me ajudar, pois adoro essa cachorrinha e nem consigo pensar na hipótese de perdê-la. Ela tem 4 aninhos e às vezes fica alguns meses sem ter crises.

  • Olá
    Há um mes Adquiri uma Lhasa de 2 meses com o vírus da cinomose e disnutrida. Fizemos um tratamento com antibiótico e homeopatia, hoje ela já superou todos os sintomas como desinteria, vômito, quadro respiratório e engordou 50% do seu peso inicial, entretanto continua com as convulções. Ainda não entrei com Gardenal pois as crises são leves, estou tentando controlar com florais de bah (cherry plum)no seu caso pode não ser o suficiente mas pode ajudar uma vez que não tem contraindicação e pode ser dado juntamento com a alopatia

  • Ganhei uma cadela Bulldog com srd, sem raça definida, ou vira lata, quando dorme, tem uns tiques, sempre, pelo o que percebo, mas quando acordo paro, é apenas sonho ou algo envolvendo problemas ? é em todo corpo ..

Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *